Tratamentos alternativos :: Florais
Florais como complemento em procedimentos odontológicos
Já existem alguns dentistas que cuidam de seus pacientes com terapia floral, uma forma de tratamento baseada em essências extraídas de plantas.
Por Odontologika

Ninguém está ainda livre do motorzinho, mas a terapia floral talvez possa diminuir o número de vezes que o paciente sentará na cadeira do dentista.

Os terapeutas florais consideram que, além do corpo físico, o ser humano possui vários corpos sutis (que se manifestam, por exemplo, na aura). Eventuais desequilíbrios energéticos nesses corpos poderiam se manifestar no aspecto físico produzindo sintomas como cárie, inflamação gengival, bruxismo, fratura, tártaro e afta. As essências florais não tratam das cáries, mas atuam justamente no corpo sutil, promovendo seu reequilíbrio.

Os florais são preparados a partir de flores, arbustos ou árvores silvestres. Nenhum deles causa dano ou dependência. Não são prescritos diretamente segundo o mal-estar físico, mas sim de acordo com o estado psicológico, levando em consideração os sentimentos de medo, preocupação, ansiedade, raiva ou desalento, buscando sempre o equilíbrio físico e mental.
Pode beneficiar-se dos Florais qualquer pessoa que busca harmonização, independente da idade.
O atendimento é individual, podendo ou não associar-se a um processo psicoterápico, feito por profissional com especialização.

Quais os outros florais que existem? 
Em todo o mundo existem flores. Portanto, teoricamente, Deus colocou à disposição do homem, o poder curativo das flores, descoberto pelo Dr. Bach, em todos os países, estados, ilhas e cidades. Seguindo a filosofia do mestre Bach, pesquisadores de várias partes do planeta, colocam à disposição das pessoas, animais e plantas, as essências que têm descoberto. 

O Brasil é o país que tem a maior diversidade floral e fitoterápica do planeta Terra. No entanto, embora tenhamos nas nossas terras dezenas e dezenas de pesquisadores, muito pouco se avançou para alcançar o sonho do Dr. Edward Bach que desejava que todas as pessoas tivessem acesso ao seu método simples de cura: as flores.

Como agem os remédios florais?
Os remédios florais agem indiretamente, auxiliando o indivíduo a um esforço de cura. agindo suavemente produzindo transformações sutis e determinando transformações nos impulsos, caráter pessoal e na mente. Normalmente são usados para trabalhar problemas emocionais e afetivos, estabelecendo um equilíbrio entre o corpo o eu superior e a mente, de modo que quando a pessoa está com algum problema emocional, os florais aplicados corretamente corrigem o estado emocional positivamente. Sem provocar efeitos colaterais.
Como usar os remédios florais
Como todos os remédios os florais só podem ser aplicados por pessoas que contenham seu conhecimento e capacidade de observação. Mesmo que não provoque distúrbios, ele pode deixar de atingir o estado desejado. 

O modo correto de usa-los é:
 Verificando as causas dos sintomas, pois os florais removem os bloqueios mentais e mentais desde sua "raiz".
 Limitar o número de remédios florais ao mínimo em uma única fórmula, Quanto menos melhor, não passando de 6 essências em um único frasco.
 Selecionar as principais desarmonias que dominam o estado da pessoa, para encontrar o remédio ideal.
 O estado da pessoa deve ser consciente ou perceptível à observação de quem o esta recomendando.
 O remédio atua da superfície para a profundidade, Quando equilibrada uma desarmonia pode-se surgir outra, necessitando de outro floral.

O floral mais conhecido é o floral de Bach, produzido na Inglaterra e preparado no Brasil, em farmácias de manipulação.

Alguns dos florais conhecidos, atualmente:
 
_1. Florais Californianos (F.E.S. Califórnia) 
_2. Florais Australianos (que são dois: Bush Essences e Living Essences) 
_3. Florais do Alaska (que são dois: Essências Florais e Ambientais) 
_4. Florais e marinhas do Pacífico 
_5. Florais do Havaí 
_6. Florais da Holanda 
_7. Florais Franceses (Deva) 
_8. Florais Americanos (Running Fox Farm) 
_9. Florais Argentinos (Flores de Raff) 
10. Florais Brasileiros:
_ • Florais de Minas 
_  Sistema Agnes 
_  Filhas de Gaya 
_  Arco-Íris 
_  Florais do Agreste 
_  Florais de Saint Germain 
_  Florais do Amazona

Florais de Bach 

Agrimony 
Sentimentos guardados, conflitos emocionais, medo da solidão
Aspen 
Medo de algo não identificável, ansiedade
Beech 
Rigidez, difilcudade em aceitar os próprios erros
Centaury 
Passividade excessiva, medo de se impor
Cerato 
Falta de confiança, sentimento de incapacidade
Cherry Plum 
Falta de controle sobre as próprias ações, impulsos violentos contra si próprio
Chestnut Bud 
Dificuldade de aprendizagem, repetição de erros
Chicory 
Possessão, dominação
Clematis 
Dificuldade de concentração, falta de interesse
Crab Apple 
Sensação de impureza
Elm 
Perfeccionismo, exigência, senso de responsabilidade exagerado
Gentian 
Desânimo frente às dificuldades
Gorse 
Desespero, pessimismo
Heather 
Falar compulsivamente, não ouvir o outro
Holly 
Raiva, ciúme, inveja, mau humor
Honeysuckle 
Dificuldade em se desligar do passado
Hornbeam 
Cansaço, exaustão mental
Impatiens 
Rapidez de pensamento, impaciência com outros
Larch 
Insegurança, falta de confiança em si próprio
Mimulus 
Fobias, ansiedade
Mustard 
Tristeza repentina, depressão profunda, introversão
Oak 
Obstinação, esforço excessivo, falta de lazer
Olive 
Esgotamento mental
Pine 
Culpa, autocensura, rigidez
Red Chestnut 
Preocupação excessiva com os outros, superproteção
Rock Rose 
Terror, ansiedade progressiva
Rock Water 
Perfeccionismo, idealização
Scleranthus 
Incapacidade de tomar decisões, humor variável
Star of Bethlehem
Experiências traumáticas
Sweet Chestnut 
Desamparo e desproteção, angústia
Vervain 
Não aceitação das opiniões alheias
Vine 
Dominação, inflexibilidade
Walnut 
Necessidade de adaptação a mudanças emocionais
Water Violet 
Medo de se expor, isolamento
White Chestnut 
Falta de controle de pensamentos indesejáveis
Wild Oat 
Falta de definição de objetivos
Wild Rose 
Apatia, resignação
Willow 
Vitimização, culpar os outros por seus fracassos
Rescue
Remédio indicado para situações de emergência, composto de cinco essências