Notícias
Dentes sensíveis quando tomamos algo quente ou gelado
Por quê?
Por Ana Gonzaga - revista saúde/ Isabel Cristina Froner, professora da faculdade de odontologia da USP-Ribeirão Preto/ Infográfico Thiago Lyra

1. O dente é composto de três camadas: esmalte (externa), dentina (intermediária) e polpa (interna). Alguns fatores, como retração da gengiva, bruxismo ou escovação inadequada, podem desgastar o esmalte e o cemento - a cobertura da raiz - e, assim, expor a dentina.
2. A dentina é um tecido cheio de canais minúsculos. Quando fica exposta, torna-se vulnerável a estímulos produzidos por uma bebida quente ou gelada, que penetram nesses dutos. 3. Os dutos conduzem à polpa, onde está o nervo. É ele que percebe o calor ou frio e comunica ao cérebro. Mas esse aviso sem importância é sempre doloroso. Os dentes mais afetados são os caninos e os pré-molares inferiores.