Orientações :: Odontopediatria
Medicamentos pediátricos podem corroer os dentes
Novo estudo alerta: crianças deveriam escovar seus dentes depois do uso de xaropes adocicados.
Por Charnicia Huggins/ Dra. Carolina Covolo da Costa, da Universidade Federal de Santa Catarina no Brasil/ Reuters Health

Este é o estudo da Drª Carolina Covolo da Costa, cirurgiã-dentista brasileira da Universidade Federal de Santa Catarina. "Alguns medicamentos utilizados por crianças podem ser extremamente prejudiciais aos dentes, principalmente se for a hora de dormir ou se não houver hábitos de higiene oral". 

Tal estudo envolve um xarope popular para tratar alergias respiratórias, cuja composição muito ácida e sem nenhum fluoreto, contribui para a formação da erosão dental.

Foram utilizadas 70 amostras de esmalte de dente, e imersas em várias soluções que simulavam o ambiente oral normal durante o dia e a noite por 10 dias, sendo aplicado a algumas amostras um xarope para tosse anti-histamínico e em outras amostras fluoreto, diariamente.

Observou-se que o fluoreto é achado fundamental para a preservação dos dentes contra o ph ácido de tais medicamentos, diz Da Costa.

Por isso, os pais precisam atentar que o uso de xaropes adocicados, especialmente na hora de dormir, podem aumentar o risco da incidência da erosão dental.

A prevenção deste tipo de erosão dental é tão simples como manter bom hábitos de higiene, que são escovação e o uso do fio dental.

Vale lembrar que a ação nociva destes medicamentos é muito semelhante ao que acontece ao permitir a uma criança beber suco antes da hora de dormir, pois com a diminuição da salivação, o açúcar aumentado e um maior ataque de bactérias produtoras de ácido, aumenta-se o risco de incidência da erosão dental.